Connect with us

Desporto

Sérgio Conceição salienta ambição de vencer Taça de Portugal

Agência Lusa

Publicado

|

O treinador do FC Porto, Sérgio Conceição, alertou hoje para a dificuldade na preparação da estreia na Taça de Portugal em futebol frente ao Vila Real, mas manifestou a ambição de vencer a prova.

O técnico voltou a frisar que “vencer a Taça de Portugal é um sonho” que ainda não conseguiu concretizar, mas que espera fazê-lo já esta época.

“Temos de estar precavidos para estes jogos. Tenho muito apreço e carinho por esta competição, tive oportunidade de a ganhar ao serviço do FC Porto como jogador. Infelizmente, não consegui vencer a final em que estive presente ao serviço do Sporting de Braga. Tenho o sonho de ganhar esta bonita competição. É uma prova que encerra a época desportiva num dia de grande festa. Acho que é fantástico”, disse.

Sérgio Conceição alertou ainda para as dificuldades do jogo frente ao Vila Real, equipa que joga nos escalões distritais da Associação de Futebol de Vila Real.

“Quando se representa um clube como o FC Porto todas as competições são para ganhar. A Taça de Portugal não é diferente. Preparámos a partida com seriedade e com o respeito que o adversário merece. Vamos jogar contra amadores, mas não vai existir facilitismo. Lembro-me que este adversário o ano passado jogou com o Desportivo das Aves e só perdeu nos últimos minutos. Hoje em dia não há jogos fáceis, todas as equipas trabalham bem. Há uma diferença de qualidade, obviamente, embora por vezes os encontros se tornem equilibrados pela motivação que as equipas mais pequenas têm”, completou.

O treinador do FC Porto admitiu também que os compromissos de seleções das últimas semanas, e que retiraram alguns jogadores aos ‘dragões’, criaram alguns problemas na preparação do jogo com o Vila Real, a contar para a terceira eliminatória da Taça de Portugal.

“Limita sempre aquilo que é o trabalho e a preparação dos jogos. Tivemos muitas ausências. Alguns dos meus jogadores chegaram hoje, ainda não os vi, e nesse sentido, sem dúvida, que interfere e de que maneira na preparação do jogo. A equipa que vai entrar nesse jogo tem a ver exatamente com isso, com os jogadores que estiveram connosco durante a semana”, explicou o treinador em conferência de imprensa.

Sérgio Conceição foi também abordado sobre as palavras de Pinto da Costa, presidente portista, acerca de Herrera, quando afirmou que o médio mexicano terá pedido seis milhões de euros para renovar contrato.

“Em todos os clubes acontece, o ano passado tivemos a mesma situação. O presidente é soberano, temos de aceitar e não comentar. Tive a oportunidade de falar com o Herrera sobre este jogo e sinceramente não falei em nada do que foi comentado pela imprensa. Tudo aquilo que são contratos e que anda à volta do futebol deixamos à porta do Olival. Estamos atentos, mas o nosso foco está no trabalho diário”, disse.

O FC Porto, da I Liga de futebol, defronta na sexta-feira, às 20:15, no Complexo Desportivo Monte da Forca, o Vila Real, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal.

Desporto

Sub-21: Portugal venceu Polónia por 1-0

Publicado

|

A seleção portuguesa de sub-21 foi à Polónia vencer a seleção da casa por 1-0, na primeira mão do “play-off” de acesso ao Europeu de 2019. O único golo da partida foi apontado por Diogo Jota, assistido por João Félix, à passagem do minuto 30.

Rui Jorge fez alinhar o seguinte onze: Joel Pereira; Diogo Gonçalves, Ivanildo Fernandes, Diogo Leite e Yuri Ribeiro; Stephen Eustáquio, André Horta, Gedson Fernandes e João Carvalho; João Féliz e Diogo Jota. Heriberto, Rafael Leão e Bruno Costa entraram na segunda parte.

No outro jogo do “play-off” de apuramento para o Campeonato Europeu a Áustria venceu por 1-0 na Grécia. O golo foi marcado por Posch.

O jogo decisivo disputa-se no dia 20 de novembro no Estádio Municipal Eng.º Manuel Branco Teixeira, em Chaves.

O vencedor qualifica-se para a fase final, juntando-se a Itália (coanfitriã), Croácia, Espanha, Dinamarca, Inglaterra, Alemanha, Bélgica, Sérvia, Roménia e França.

O sorteio da fase final, que se realiza em Itália e São Marino, de 16 a 30 de maio de 2019, está marcado para 23 de novembro.

GOLO FM

Continuar a Ler

Desporto

Jorge Jesus não fecha a porta ao Benfica

Publicado

|

Jorge Jesus não fecha a porta a um possível regresso ao Benfica, apesar de realçar que Rui Vitória é o atual treinador e que há que respeitá-lo. Em entrevista ao jornal “A Bola”, Jesus admite, contudo, que foi o trabalho desenvolvido na Luz que mais projetou o seu nome no mundo do futebol.

O treinador recorda que tem “uma amizade muito forte com gente do Benfica, principalmente, com o presidente Luís Filipe Vieira e lembra que foram os encarnados que o “projetaram mundialmente”, mas esses motivos não são, por si só, suficientes para se pensar que poderá regressar à Luz, no imediato.

Jesus revela que ninguém do Benfica o contactou, no sentido de reocupar o cargo que já foi seu, e sublinha que, antes de tudo, precisa de ter “respeito pelo atual treinador” do clube, Rui Vitória.

Confrontado com o ditado que diz que “não se deve voltar onde se foi feliz”, Jorge Jesus responde com um piscar de olhos ao Benfica: “Também se pode dizer ao contrário e usar aquele ditado que diz ‘bom filho a casa torna'”. Porém, ressalva o que já havia salvaguardado: “Tenho de respeitar o Benfica e o treinador do Benfica. Não fujo às questões, mas não quero abordar hipóteses. Hipóteses de regressar a Portugal haverá sempre”.

O treinador português reforça a relevância que a sua passagem pela Luz tem na sua carreira e sentencia, nesta entrevista ao jornal “A Bola”, “o Benfica é um nome muito grande”. “Estive em duas finais europeias e isso foi muito mais importante para a minha carreira que ter ganho dez títulos”, acrescenta.

A verdade é que Jorge Jesus tem “medo de ser mal interpretado” no que diga sobre o Benfica. “O meu grande projeto neste momento é o Al Hilal. Treinador de futebol nunca sabe o dia de amanhã. Devo muito a todos os clubes onde trabalhei. Muito! Particularmente, em termos de ser conhecido a nível internacional, mais ao Benfica, como é óbvio. Fui feliz no Benfica, se dissesse o contrário estava a querer enganar-me a mim e às outras pessoas”, admite.

Os rumores do hipotético regresso de Jesus à Luz têm surgido com a fase complicada, em termos de resultados e afeto dos adeptos, por que Rui Vitória tem passado. Jorge Jesus compreende a situação do compatriota. “Aquilo que o Rui Vitória está a atravessar eu também já passei no Benfica. Também já tive situações complicadas lá. Só que o Benfica tem um grande presidente, uma estrutura muito forte”, afiança.

GOLOFM

Continuar a Ler

Desporto

Sporting dá a volta ao Santa Clara e vence nos Açores – RESUMO

Publicado

|

O Sporting, comandado interinamente por Tiago Fernandes, venceu fora o Santa Clara por 2-1, num embate da nona jornada que começou a perder.

Os açorianos adiantaram-se aos 32 minutos, por Zé Manuel, mas, na segunda parte, o árbitro Manuel Mota assinalou um penálti, que Bas Dost transformou, aos 62, e expulsou Patrick, aos 63. Frente a 10, Acuña selou a reviravolta, aos 75.

Continuar a Ler

+ Populares