Connect with us

Regional

Vindimas no Pico alcançaram resultados extraordinários este ano, afirma João Ponte

GACS

Publicado

|

Foto: GaCS/SRAF

O Secretário Regional da Agricultura e Florestas afirmou hoje que 2018 ficará para a história das vindimas como um dos melhores anos de sempre na ilha do Pico, quer em termos de quantidade, quer no que se refere à qualidade da uva, fruto das condições atmosféricas muito favoráveis para esta cultura que se registaram este ano.

“A época das vindimas está a terminar e os resultados obtidos este ano só podem ser classificados de extraordinários. As melhores expetativas dos viticultores confirmaram-se”, salientou João Ponte, que falava no final de uma reunião com a Direção da Cooperativa Vitivinícola da ilha do Pico.

O governante adiantou que esta cooperativa já recebeu, até ao momento, 350 toneladas de uvas, quando, em 2017, recebeu apenas 100 toneladas, o que significa um crescimento de 250%.

“É verdade que, do ponto de vista do clima, tivemos um ano bastante favorável, mas este resultado deve-se sobretudo à capacidade empreendedora dos viticultores do Pico, que souberam aproveitar as oportunidades criadas pelo programa VITIS, à experiência acumulada nesta área e ao grande empenho e dedicação que empreguem nesta cultura”, afirmou João Ponte.

Relativamente ao programa comunitário VITIS, para reestruturação e reconversão de vinhas, João Ponte revelou que, só nos primeiros sete meses deste ano, já foram pagos 2,4 milhões de euros aos viticultores açorianos.

Desde 2014 já foram aprovados 470 projetos no âmbito do VITIS, com uma área de 765 hectares de vinha, num investimento de 20,3 milhões de euros, sendo a ilha do Pico a mais expressiva no todo regional, totalizando 94% das candidaturas.

“Estes indicadores dão bem nota do grande dinamismo e da pujança que a vitivinicultura tem presentemente na Região, com particular destaque para a ilha do Pico, projetando um futuro muito promissor para este setor”, considerou João Ponte.

O dinamismo em torno da vinha e do vinho não se verifica, no entanto, apenas na ilha do Pico, tendo o governante destacado o caso da vizinha ilha do Faial, onde foi aprovado quarta-feira um projeto, no âmbito da submedida 4.2 do PRORURAL+, que visa criar uma indústria de vinificação de vinho branco, transformação e embalamento, num investimento proposto de meio milhão de euros.

João Ponte disse ainda que este projeto no Faial contempla a criação de 19 postos de trabalho, dois permanentes e 17 temporários.

O Secretário Regional destacou o facto de os vinhos açorianos serem cada vez mais vistos como um produtos de excelência e que têm alcançado uma grande notoriedade, fruto da inovação e da formação que têm associados.

“A estratégia para o setor da vinha está definida, os resultados são francamente positivos e há cada vez maior apetência para produzir vinho nos Açores”, frisou, salientando que a vinha é geradora de riqueza, de postos de trabalho e tem contribuído para recuperar territórios abandonados.

Regional

Chuva forte provocou derrocada em São Jorge e inundações na Terceira

GACS

Publicado

|

Por

Foto: Ildeberto Rocha / Rádio Voz dos Açores

A chuva forte que caiu esta madrugada no Grupo Central dos Açores, nomeadamente em São Jorge e na Terceira, provocou uma derrocada de dimensão considerável na Estrada Regional N.º 2 – 2.ª, de acesso ao Topo, em São Jorge.



Após receber o alerta, o Governo dos Açores, através da Secretaria Regional dos Transportes e Obras Públicas, fez deslocar para o local os meios humanos e materiais necessários para a limpeza e desobstrução da estrada.

Nos trabalhos, que deverão prolongar-se durante todo o dia, estão envolvidos nove operacionais, dois camiões e uma retroescavadora.

O trânsito de e para o centro da freguesia está assegurado por vias alternativas, uma municipal e outra regional.

Na ilha Terceira, a chuva forte levou à interrupção da estrada regional em Santa Bárbara, causando ainda inundações em quatro habitações nesta freguesia e numa habitação nas Cinco Ribeiras, devido ao galgamento de ribeiras.

Também nestes casos, o Governo dos Açores fez deslocar para os locais afetados meios humanos e materiais para fazer face ao sucedido.

Continuar a Ler

Regional

Celebrity Silhouette hoje em Ponta Delgada com quatro mil visitantes

Publicado

|

Foto: Facebook Portos dos Açores, S.A. / André Cabral

O Terminal de Cruzeiros das Portas do Mar recebe hoje a segunda visita, em 2018, do navio de cruzeiros Celebrity Silhouette. Esta escala em Ponta Delgada resulta dos habituais itinerários de outono que ligam o Reino Unido aos arquipélagos Atlânticos. A presente viagem tem a duração de 15 dias e Ponta Delgada será a primeira de sete escalas programadas.



Com 2858 passageiros e 1238 tripulantes a bordo, o navio da conceituada Celebrity Cruises tem chegada prevista ao iníco da tarde desta quarta-feira, cerca das 13h00, e deve rumar ao Funchal quando foram 23 horas.

No próximo dia 10 de outubro, este paquete tem agendado nova escala na cidade micaelense, em mais um cruzeiro idêntico ao que agora protagoniza.

Fonte: Portos dos Açores, S.A.

Continuar a Ler

Regional

Votação do 1.º Orçamento Participativo dos Açores termina a 30 de setembro

GACS

Publicado

|

Por

O período de votação das 154 propostas finalistas do 1.º Orçamento Participativo dos Açores (OP Açores) termina a 30 de setembro, registando-se uma significativa adesão dos Açorianos a esta iniciativa do Governo Regional, tendo já votado cerca de 4.200 pessoas.



Por área temática, são 59 as propostas finalistas na área da Juventude, 40 no Turismo, 28 na Inclusão Social e 27 no Ambiente.

Por ilha, existem 34 propostas em votação na Terceira, 26 em São Miguel, 23 em São Jorge, 17 no Pico, 14 na Graciosa, 13 em Santa Maria, 12 nas Flores, 11 no Faial e quatro no Corvo.

Os interessados podem conhecer cada uma das propostas finalistas por ilha na página inicial do sítio do OP Açores na Internet, na área “Saber mais”, e na página do Facebook com o endereço https://www.facebook.com/OrcamentoParticipativoAcores/.

Para votar, basta aceder ao sítio do Orçamento Participativo dos Açores (https://op.azores.gov.pt), ou enviar um SMS para o número 3838 com as indicações “OPAZORES (espaço) Número da Proposta (espaço) Número de Identificação Civil”.

Em qualquer uma das formas de votação será necessário indicar todos os números e letras do Cartão de Cidadão ou todos os números do Bilhete de Identidade.

As propostas vencedoras são divulgadas em outubro.

Continuar a Ler

+ Populares