Connect with us

Cultura / Eventos

Livro “Jardim Botânico José do Canto – 100 Árvores” vai ser lançado dia 12 no Centro Natália Correia

Publicado

|

É já esta quinta feira, 12 de Julho, que será apresentado, no Centro Natália Correia, na Fajã de Baixo, pelas 18h00, o livro “Jardim Botânico José do Canto – 100 Árvores” da autoria de Raimundo Quintal e Teófilo Braga.

O livro será apresentado por Augusto de Athayde, quarto neto de José do Canto, sendo esta obra publicada por ocasião do 120º aniversário do falecimento dessa grande figura impulsionadora do desenvolvimento dos Açores no século XIX constituindo uma homenagem a esse grande açoriano e português e ao seu legado botânico e científico.

O livro com 200 páginas e 325 fotografias prefaciado por Augusto de Athayde, contém um capítulo sobre a “Figura e a Obra de José do Canto”, da autoria de Teófilo Braga, outro intitulado “Jardim Botânico José do Canto, um jardim botânico no coração de Ponta Delgada”, da autoria de Raimundo Quintal, no qual é feita referência à importância do Jardim José do Canto no âmbito e no contexto dos jardins açorianos , portugueses e europeus .

No capítulo, também da autoria de Raimundo Quintal, denominado “Caracterização Fitogeográfica” é dado o devido relevo à importância da coleção de árvores monumentais existentes no Jardim e à representação das diferentes regiões do globo na flora do parque .
Esta obra procura ainda chamar a atenção para a importância do produto turístico “Turismo de Jardins” que Ponta Delgada e os Açores em geral podem e devem oferecer enquanto produto cultural e numa ótica de inserção no Turismo da Natureza , e de respeito pelo Ambiente.

Fonte: CMPDL

Cultura / Eventos

Biblioteca Pública João José da Graça, na Horta, realiza oficina “Como Contar uma História”

Publicado

|

A Direção Regional da Cultura, através da Biblioteca Pública e Arquivo Regional João José da Graça, na Horta, promove, de 8 a 12 de julho, a realização da oficina “Como Contar uma História”.

Esta atividade, que se destina a crianças dos 6 aos 12 anos, decorre das 09h30 às 12h30, orientada pela formadora Paula Saraiva.

A Direção Regional da Cultura informa que este e outros eventos estão disponíveis para consulta na Agenda Cultural do Portal CulturAçores, no endereço www.culturacores.azores.gov.pt.

Continuar a Ler

Cultura / Eventos

Museu de Angra do Heroísmo promove concerto com o Quinteto de Carlos Alberto Moniz

Publicado

|

A Direção Regional da Cultura, através do Museu de Angra do Heroísmo e no âmbito das comemorações do 70.º aniversário da sua criação oficial e do 50.º aniversário da sua instalação no Edifício de São Francisco, promove sábado, 30 de março, a realização de um concerto intitulado “Canções de Abril”, com o Quinteto de Carlos Alberto Moniz.

O concerto, com entrada livre, terá lugar na Igreja de Nossa Senhora da Guia, a partir das 21h30, retomando temas imortalizados pela Revolução dos Cravos, como ‘Trova do tempo que passa’ ou ‘Canta, canta, amigo canta’, a par de composições originais de Carlos Alberto Moniz e José Jorge Letria.

Para além de Carlos Alberto Moniz, na voz e viola, estarão em palco Domingos Silva (piano), Edu Miranda (bandolim e guitarra), João Ferreira (percussão) e Pedro Santos (acordeão).

A Direção Regional da Cultura informa que este e outros eventos estão disponíveis para consulta na Agenda Cultural do Portal CulturAçores, no endereço www.culturacores.azores.gov.pt.

Fonte: GACS

Continuar a Ler

Cultura / Eventos

Biblioteca Pública Luís da Silva Ribeiro, em Angra do Heroísmo, assinala Dia Nacional do Estudante

Publicado

|

A Direção Regional da Cultura, através da Biblioteca Pública e Arquivo Regional Luís da Silva Ribeiro, em Angra do Heroísmo, associa-se sexta-feira, 22 de março, às comemorações do Dia Nacional do Estudante.

A programação prevista para essa data, pelas 11H00, que também visa divulgar o Serviço de Leitura e Empréstimo Domiciliário, passa pela utilização do ‘Mannequin Challenge’, que consiste na realização de um vídeo onde um grupo de pessoas fica imóvel, como um manequim, durante um certo período de tempo.

Esta é uma forma de promover a interação dos leitores, nomeadamente os estudantes, com as atividades da biblioteca e de lhes dar a conhecer a Sala de Leitura e Empréstimo Domiciliário.

O Dia Nacional do Estudante foi promulgado pela Assembleia da República em 1987 e comemora-se anualmente a 24 de março.

A celebração da data pretende relembrar as dificuldades e os obstáculos enfrentados pelos estudantes na década de 60, aquando da crise académica vivida em Portugal.

Para além de uma homenagem aos estudantes, esta comemoração relembra que a Educação constitui um direito constitucional no nosso país.

A Direção Regional da Cultura informa que este e outros eventos estão disponíveis para consulta na Agenda Cultural do Portal CulturAçores, no endereço www.culturacores.azores.gov.pt.

Continuar a Ler

+ Populares